FAQ

FAQ 2019

1. Quais os objetivos gerais do Health Parliament Portugal?

Pensar, participar, mudar. O Health Parliament Portugal é uma iniciativa que irá replicar a atividade parlamentar em torno do tema da Saúde, durante 6 meses, juntando 60 jovens que pretendam debater e emitir recomendações sobre o futuro da Saúde no nosso país.

2. Quem pode participar?

Jovens e entusiastas “pensadores” com a ambição de promover a mudança e desenhar o futuro da Saúde em Portugal que preencham os seguintes requisitos:

Obrigatórios

  • Idade entre os 21 e os 40 anos, completados até 31 de dezembro de 2019
  • Portugueses e não portugueses residentes em Portugal continental
  • Habilitações literárias mínimas: Bacharelato
  • Disponibilidade para participar num projeto que implicará participações presenciais em reuniões mensais, além de trabalho de grupo desenvolvido em formato essencialmente virtual durante seis meses.

Dar-se-á preferência a candidatos com:

  • Experiência profissional, ainda que a mesma possa não ser da área da saúde;
  • Interesse por políticas de saúde, com capacidade analítica e de pesquisa de boas práticas e exemplos internacionais;
  • Experiência e gosto pelo confronto de ideias, reflexão ou atividade de think-tanks.
  • Gosto pela inovação e procura de novas soluções (experiência curricular será valorizada)
  • Experiência de liderança de equipas será valorizada;
  • Experiência mediática e em social media
  • Experiência associativa

O que oferecemos?

  • Certificado de frequência pela Universidade Nova de Lisboa
  • Formação em media, policy-making e práticas parlamentares
  • Oportunidade ímpar de Networking entre participantes, Comité Consultivo e Curadores
  • Publicação de policy papers no setor da saúde, com possibilidade de apresentação de recomendações a decisores políticos
  • Visibilidade e cobertura mediática

3. Qual o calendário previsto?

Esta iniciativa irá decorrer de janeiro a junho de 2020, estando prevista uma sessão de formação a decorrer em dezembro

As candidaturas estarão abertas até 31 de outubro de 2019. O recrutamento e seleção dos participantes serão feitos pela empresa Argo Partners com base nos critérios de elegibilidade anteriormente descritos, até final de novembro de 2019.

O Health Parliament Portugal será constituído por seis comissões parlamentares, cada uma com um tema específico, que irão reunir em Lisboa, nas datas a marcar nos seguintes períodos:

  • janeiro de 2020 (Sessão de abertura)
  • março de 2020
  • maio de 2020
  • junho de 2020 (Sessão de encerramento)

Decorrerão também duas visitas ao terreno (a hospitais/centros de investigação…) nas seguintes datas:

  • fevereiro 2020
  • abril 2020

4. Quais os temas de reflexão?

Serão 6 os temas a debate e sobre os quais serão pedidos aos participantes recomendações para o futuro:

  • Oncologia: respostas para a doença crónica > Percurso do doente e integração de cuidados; Prevenção e diagnóstico; Apoios Sociais
  • Sustentabilidade e equidade do sistema de saúde > Assimetrias de acesso; Financiamento; Investimentos e sustentabilidade
  • Inovação, personalização e valor em saúde > Value Based Healthcare; Health Technology Assessment; Impacto da Inovação; Medicina personalizada
  • Integração: o contributo dos dados e da tecnologia > Dados e tecnologia; Tecnologias de informação em Saúde no SNS; Interoperabilidade e integração de cuidados
  • Desafios dos recursos humanos em saúde > Educação Médica; Distribuição de recursos humanos; Tecnologia e futuro do PdS
  • Saúde Mental: respostas e prioridades > Investimento em saúde mental; Equipamentos e respostas da saúde; Apoios sociais

Na prática como irá o Health Parliament Portugal funcionar?

Formação em dezembro

Antes da primeira sessão plenária, existirá uma breve formação em dezembro em que os candidatos selecionados receberão a lista dos seis temas que deverão ordenar de acordo com as suas preferências.

A constituição das Comissões decorrerá desta escolha e será realizada pelo Comité Executivo tendo por base as preferências indicadas pelos participantes.

Nesta sessão de formação em dezembro os participantes elegerão ainda o presidente do Health Parliament Portugal. Cada comissão elegerá também o seu próprio presidente e um responsável de comunicação. Cada comissão determinará e trabalhará de forma independente. Os quatro parceiros da iniciativa providenciarão a logística, bem como os meios necessários para a publicação das recomendações.

Cada comissão do Health Parliament Portugal trabalhará no tema específico escolhido com vista à produção de uma publicação académica. Durante o decorrer da iniciativa os participantes deverão comunicar os desenvolvimentos das suas reflexões nas redes sociais.

Mais informação consultar regulamento.

Plenários de janeiro a junho

Os 4 plenários decorrerão ao longo de um dia inteiro, com interrupção para almoço, em Lisboa.

5. Quanto tempo será preciso de dedicar a este projeto?

Os candidatos deverão ter disponibilidade para participar ativamente nos momentos planeados pela iniciativa (plenários e visitas de campo). Cada comissão identificará qual o melhor método de trabalho a seguir entre as várias sessões. Os participantes poderão encontrar-se pessoalmente e/ou comunicar através de qualquer meio digital ou plataforma à sua disposição.

6. A participação dos candidatos tem custos?

As deslocações, alojamento e outros encargos necessários à participação nas reuniões de trabalho e plenários serão suportados pelos próprios participantes.

As visitas ao terreno, refeições e materiais das iniciativas serão suportados pela respetiva entidade promotora.

7. Mais questões?

Para mais informações, por favor contacte-nos através do e-mail geral@healthparliament.pt